segunda-feira, 5 de abril de 2010

HOMENS QUE MENSTRUAM


São feitos de sutilezas. Tudo neles está à mão e distante; sublimado e exposto. Para eles não há diferença entre comédia e tragédia, eles sabem que a vida é teatro. Armam cenas, cerram cortinas, esperam, afagam, afastam. Querem solidão suas madrugadas, querem atenção suas impaciências. Gritam, mas apenas pelo prazer do silêncio. Despetalam a flor da pele, as lágrimas dos cadernos, os livros das estantes. Nem sempre estão em ponto de bala, prontos para o combate; muitas vezes são alvos fáceis. São dóceis, indefesos, furiosos, indomesticáveis. Colocam as cartas na mesa, viram a mesa, viram o jogo; perdem por muito, vencem por pouco. Sabem de cor muitas mentiras, mas o que importa são as verdades: as mais duras, as mais inconfessáveis – todas passíveis de arrependimentos. Têm sempre certeza, certeza de tudo, embora achem que ninguém os entendam. Brigam, se desculpam, admitem a culpa, colocam a culpa no outro. Abraçam forte e longamente, acolhem em seus braços todas as possibilidades, todos os afetos. Querem amor e exigem amar, querem amar e exigem amor. Insistem em demonstrar força, porém são inseguros, frágeis. São meninos brincando de ser homens. Não sentem cólicas, sentem muito. Sentem ciúmes, se arriscam, pedem provas, se entregam, contradizem. Exibem suas cicatrizes com orgulho, cultivam algumas feridas como plantas. Choram trancados no banheiro, enxugam o rosto no lado mais frio da cama, buscam no escuro o calor do acaso. Suas noites são intermináveis, dolorosas e reconfortantes. Mas não há ambivalência em suas manhãs.

59 comentários:

  1. Nossa que sensibilidade. Que texto lindo! Isso que chamo da construção perfeita do homem humano.

    Abraços...

    ResponderExcluir
  2. Lendo a sua postagem é possível acreditar q alguns homens sofrem mais do q as mulheres,deve ser terrível ñ manifestar alguma dor,já as mulheres são mais aptas a libertar o q as fazem sofrer.
    Berram,gritam,fazem e acontecem,ñ reprimem o q as incomodam.
    Ameiiiiiiiiiiiiiii.
    Ñ vamos generalizar,a casos e casos rs.
    beijokas.

    ResponderExcluir
  3. ...Realmente...as suas palavras são de grande sensibilidade...
    Mas será que um homem...todo sensível e frágil assim...ainda seria um homem...é quase utópico para mim...
    Beijos
    Leca

    ResponderExcluir
  4. Curam-se de dores jamais sentidas e sentem dores incuráveis.
    Belo texto, meu caro.

    ResponderExcluir
  5. Se olharmos bem, humanos são tudo isso. Homens, ou mulheres, somos todos cheios de sutilezas, de desejos e fragilidades. A diferença é que uns demonstram, enquanto outros engolem sua solidão em função de uma máscara intransponível. E na maioria das vezes, morrem com elas, sem nem saber quem são de verdade. Uma pena.

    Lindíssimo texto, Herculano. De uma sensibilidade tocante.

    Beijomeupravocê

    ResponderExcluir
  6. a sinceridade e a poesia das suas palavras são arrebatadoras.

    ResponderExcluir
  7. Sua leitora de plantão.
    Não poderia deixar passar em branco, essa outra postagem.
    Só pode vim de uma mente e um coração brilhante, parabéns mais uma vez.Aplausos...divino esse texto!

    beijos de boa noite.

    ResponderExcluir
  8. Homem sensível é tudo bom para viver conversar, mas as vezes é complicado demais.
    Ser complicado no relacionamento é uma característica feminina.
    Ser sensível leva o homem a ser chato como nós mulheres? rsrs

    BeijooO'

    ResponderExcluir
  9. Sugestivos o título e o texto, e o mergulho. abraço

    ResponderExcluir
  10. Lindo texto, Herculano.
    Pena que homens assim quase não existam... Ou eu não os conheço.

    ResponderExcluir
  11. Homens sensíveis, que engravidam junto a mulher, acho MARAVILHOSO, quero um desses pra mim. São poucos e sorte de quem os tem.

    Bjs Laura.

    ResponderExcluir
  12. Ai, ai... Um dos textos que eu leio e penso "como eu queria ter escrito isso". Achei tocante a sensibilidade com que você descreveu tão docemente a alma de alguns homens. Alguns, inclusive, que eu conheço.

    Lido e lindo!

    Beijo.

    ResponderExcluir
  13. Li, achei interessante pois nunca li nada igual sobre homens aqui, mas ao mesmo tempo não captei o que você quis dizer exatamente.

    abs Daniel

    ResponderExcluir
  14. uma das coisas mais lindas e sensíveis que já li ... aqui fica escancarada toda a fragilidade daquele que se diz forte ...

    bjux

    ;-)

    ResponderExcluir
  15. Vim retribuir sua preciosa visita.
    Nossa, que texto maravilhoso!
    Conheço alguns homens sensíveis, sinceros, que choram com a alma, amam, sofrem e se entregam de verdade. Acho lindo e admiro essa sesibilidade masculina.
    Infelizmente existem poucos hoje em dia. Que pena!
    Parabéns! Gostei de verdade.
    Seja bem-vindo ao meu jardim e volte sempre!
    Tenha um dia especial!

    ResponderExcluir
  16. Realmente é um texto magnífico que descreve em pormenor a sensibilidade de um ser humano, homem ou mulher. Todos sentimos, sofremos e choramos, mas nem todos o admitimos.
    Todos somos frágeis, corajosos, dóceis ou furiosos,mas nem sempre o admitimos.
    Mas a você, que faz poesia com pedaços de gente, eu pergunto: "Porque você faz poema"? Para extravasar o sentimento que não já não cabe dentro de si?
    Foi um encantamento vir aqui.Deixo um bejo.

    ResponderExcluir
  17. Nossa que legal esse texto, muito bom, mostra um lado masculino muito escondido por vários homens mas que nós mulheres adoramos.
    O titulo foi miiiiiil!
    Bjs! Seguidora!

    ResponderExcluir
  18. "Choram trancados no banheiro, enxugam o rosto no lado mais frio da cama"
    Percebi total verdade impressa em tuas palavras e tomei para mim a liberdade de envolver-me nelas. Tu contas uma definição como quem conta um conto. Continua a esforçar-te.

    Beijos.

    ResponderExcluir
  19. Que outros? Que homens? que menstruam suas memórias.

    ResponderExcluir
  20. No outro dia vc passou no meu blog e disse que "toda mulher tem direito de ser um pouco complicada", se as mulheres têm o direito de ser meio loucas, nada mais justo que os homens tenham também o direito de ser sensíveis, pois só assim para nos amar e entender ;)

    Texto delicioso...

    Bjs

    ResponderExcluir
  21. Homens sensíveis, carentes que amam. Se penalizam pela dor do outro e o outro sente... Bem sei como é, contracenei com alguém assim...

    Lindo!
    Bjs
    Livinha

    ResponderExcluir
  22. Oi Herculano,
    Este texto é maravilhoso. Parabéns!
    Em meu blog vc escreveu:
    "Fotografar é fazer poesia sem papel e caneta".
    Gostaria de saber se esta frase é sua e se for, se posso usá-la no blog, citando o autor,é claro?
    Vou seguir o seu blog.
    Um gde abraço.

    ResponderExcluir
  23. Independente, se sensíveis ou não, as pessoas são o que são. As amamos assim. Dos homens, nós, ambos os gêneros, exigimos rigidez, insensibilidade talvez. Uma pena. Não se deve privar alguém de manifestar-se. Repressão é umm terrivel ato de desamor. como contrariar o senso comum?

    Lindo o texto.

    Ah, se os homens menstruam, sempre estive certa, quanto a TPM masculina.

    ResponderExcluir
  24. Aeeee tambem adoro Elvis Costello ^^

    Otimo texto, tambem quero um homem desses!!!
    Onde será que se acha isso? existe?
    hauhauahuahuahauhauauaua

    Beijos moço!!!

    ResponderExcluir
  25. EU ACHAVA que era fêmea. Mas agora sei sou um homem que menstrua...

    ResponderExcluir
  26. A Lou ia adorar esse teu texto, tem tudo haver com ela, vou-lhe dizer para passar por aqui. Homens assim existem,Homens homem.

    ResponderExcluir
  27. Assim que tiver oportunidade vou usar a frase citando vc. É linda!

    ResponderExcluir
  28. Assim que tiver oportunidade vou usar a frase citando vc. É linda!

    ResponderExcluir
  29. "ser um homem feminino, não impede o meu lado masculino"


    Não é tão dificil encontrar um homem assim, o que é dificil é encontrar um homem que admita ser assim, ter em si mesmo esse universo de sensibilidades que parece nem ter fim.

    Olhar e sentir o homem como ele é além do que ele demonstra ser é tarefa dificil tb, precisamos dispir dos conceitos prévios de masculinidade,e os homens precisam gritar ao mundo a necessidade de se mostrar tal como são...a pele nua eexposta, sem a capa q a sociedade o obriga a vestir todos os dias. Eu sinto homens assim, eu vejo homens assim, mas pra além do superficial, no mais intimo e mais profundoq se possa imaginar.

    Esse mundo de contradições que parece ser só feminino é sim exclusivamente humano.

    Lindo texto, desses que dá vontade de devorar, e o título então já molham os olhos só de olhar....e é assim que precisas ir, aceitando-te, expondo-te tal como és.

    Feliz por teres ido ao meu mundo assim pude conhecer tb o teu, volta mais vezes lá assim vamos criando laços, gostei de ti, daqui.

    Um beijo

    Erikah

    ResponderExcluir
  30. Homens sensíveis...
    Corações de ouro... São almas que sofrem e amam... Tão raras.

    Obrigada pela visita e as palavras de carinho... Bjos e volte sempre lá.

    ResponderExcluir
  31. Espero sinceramente q esses homens existam! Ainda n conheci nenhum com tamanha sensibilidade! ^^

    AMEI aqui! Amei seus textos!

    ;**

    ResponderExcluir
  32. Que coisa mais bela...

    De encher os olhos !

    ResponderExcluir
  33. Espero sinceramente que esses homens realmente existam!
    N conheço nenhum com tamanha sensibilidade!

    Gostei do texto! Goste daqui!

    ;**

    ResponderExcluir
  34. Oi Herculano

    Sigo muitos blogs... Você é o segundo homem que encontro no mundo da blogosfera com tamanha sensibilidade... Sinal de ser feminino e receber rótulos por isso? Puro machismo de quem se atrever!

    Amei o seu “sentir”!

    Obrigada por ter deixado o seu carinho no Braille da alma.

    Sigo-te!

    Bjuxxx e xerooo

    ResponderExcluir
  35. Você faz poema, porque você é feito de poesia...
    Beijos.

    ResponderExcluir
  36. Há tempos atrás, escrevi algo assim:

    "Eu passei boa parte da minha infância socada entre as rodas de amigos do meu pai. Com o tempo, comecei a achar-lhes uma certa piada. Eram frágeis, e as suas fragilidades eram disfarçadas com trinta canecas de cerveja fresquinha e sete tijelas de queijo temperado com orégãos.
    O homem é inseguro. Detrás da capa protectora e dos comportamentos tipicamente masculinos, existe alguém em constante busca pelo seu equilíbrio. As rodas de amigos e conversas de bar, nada mais são do que um meio de escape à solidão que os assola quando não têm ninguém por perto. O homem bebe tentando se esquecer. Cada gole não passa de uma tentativa inútil de anestesiar as dores do coração. O homem é inseguro, é o réu, o juíz e o juri de si mesmo. É alguém que, erroneamente, busca no sexo oposto a mesma liberdade que encontra dentro de uma garrafa de cerveja. Procura na mulher a absolvição dos seus pecados, e sacia na sua maciez a carência agravada pela solidão das mesas de bar."


    Acho que vai mais ou menos ao encontro do que disseste aí.

    Um beijo e obrigada pela visita ;)

    ResponderExcluir
  37. Herculano, alguém encontrará nossos rabiscos de carvão nas cavernas. Dirá, surpreso, que éramos carnívoros...

    De um escrivinhador metido a besta, vai o abraço a um reles contador de estórias...

    ResponderExcluir
  38. É de encher os olhos, sim. Mas de lágrimas.
    Não por ser trágico, mas por ser tão verdadeiro que se torna impossível tirar qualquer expressão, uma vírgula que seja. É bonito seu jeito de tocar os que te leem.
    É bonito.

    Beijo e beijo.

    ResponderExcluir
  39. Olá,
    Seu poema é lindo, sensível. Fiquei à deriva com o blog, um refúgio para passar bons momentos de reflexão...

    Parabéns,

    ResponderExcluir
  40. Adorei o texto, mas fiquei um pouco incomodada :)

    ResponderExcluir
  41. Como muitos aqui, amei seu texto e qualquer coisa que diga será pleonasmo "Enfatizante", mas será.
    Gostaria muito de rpublicar seu texto em um dos meus blog " Outros fragmentos". Dê uma passadinha lá para ver se aprova minha proposta.
    E se quiser conhecer um pouco da essência construtiva de um ser material..." Em Construção"
    Abraços...

    ResponderExcluir
  42. Belíssimo texto,não só esse mas todos que vi por aqui...
    Que bom encontrar um homem com a vontade a coragem e a capacidade de confirmar o que talvez todas nós mulheres já soubessemos,mas por uma questão de criação,de sociedade,até de um certo proveito de situação,essa fragilidade que você expos fique evidenciada somente em nós mulheres.Gostei de poder sentir e saber sobre um homem sob a ótica dele próprio.Acabou de comprovar o que eu já sabia,esta fragilidade nada mais é que a tradução de tua imensa força!!
    Parabéns Herculano Neto,bom demais poder ler e conhecer pessoas de qualidade e tamanha cultura assim como você...
    Grande beijo Sophi.

    ResponderExcluir
  43. P.S: certa coincidencia foi conhecer seu belo texto logo após sentir vontade de escrever sobre as mulheres maduras...
    (Conheci seu texto através de uma grande amiga)

    ResponderExcluir
  44. E agora são muitos assim. Talvez, sempre tenham sido muitos, a diferença é que não se mostravam. Quero muitos amigos assim, colegas, conhecidos, e o mais importante, um amor assim. Amar um homem como este, tão complexo, tão intenso, tão HUMANO, seria uma felicidade!

    Parabéns pelo blog. Acabo de conhecer e já fiquei encantada! Seguindo, com certeza.

    Abraços.

    ResponderExcluir
  45. Lindo Texto!! Esse ser masculino da fantasia me encanta.

    ResponderExcluir
  46. Existe problema em ser romântico, porque se sofre em dobro por tudo.
    Mesmo assim não deixo de sê-lo.
    Um belo texto o seu! Obrigado pela visita!
    Abraço!

    ResponderExcluir
  47. Quero um homem desses pra mim, hehe!

    ResponderExcluir
  48. bonito, velho...
    tô começando a achar que eu menstruo... rs

    grande abraço.

    ResponderExcluir
  49. Ahh é a menstruaçao entao??!
    Agora posso entender um pouco e poupar o homem pela qual sou apaixonada.

    Amei o texto.Sutil e bravo. Como os homens que menstruam.

    Parabéns!!!!

    ResponderExcluir
  50. Fico me perguntando, "Se" um dia eu conheci um homem assim.
    Ahhhh......

    ResponderExcluir
  51. "São meninos brincando de ser homens".
    São incompreendidos,
    talvez demasiado 'sensíveis'...
    Ainda assim são homens.
    Podem menstruar, no entanto sabem o significado da palavra 'amar'.
    Obrigada pelo seu comentário :)

    ResponderExcluir
  52. Gostei do modo como você constrói seus textos. Vou repetir a visita.

    ResponderExcluir
  53. "São meninos brincando de ser homens".
    Tocante!

    ResponderExcluir

Comente apenas se leu a postagem.
Comentários anônimos serão recusados.

Related Posts with Thumbnails