sexta-feira, 19 de junho de 2009

TERRY REID: O CARA MAIS AZARADO DO MUNDO?

Prodígio inglês, guitarrista e vocalista de timbre vocal largamente imitado, foi convidado por Jimmy Page aos 18 anos para integrar o ainda embrionário Led Zeppelin (New Yardbirds), Terry recusou o convite e indicou o seguidor e admirador Robert Plant (que por sua vez levou junto o baterista John Bonham). Anos depois recebeu novo convite: assumir os vocais do Deep Purple – novamente recusou e a vaga foi para o desconhecido Ian Gillan. O resto é história. Detentor de obra autoral admirável gravou dois discos excepcionais no final dos anos sessenta, com arranjos cheios de psicodelia, folk e blues (elementos precursores da sonoridade de várias bandas, inclusive o Led Zeppelin). Nessa época participou da turnê americana do Cream e do Festival da Ilha de Wight. Apesar do reconhecimento de seu talento por Eric Clapton, Van Morrison e Jimmy Hendrix, seus discos nunca alcançaram o grande público, que somente nos últimos anos redescobriu seu trabalho - mesmo continuando na estrada. Sempre li (e ouvi) o nome de Terry Reid seguido de sentenças como “o cara mais azarado do mundo”, se for verdade eu não sei o que sou.

3 comentários:

  1. sensacional o blog! retuitei uma frase sua com os devidos créditos no meu twitter !
    (twitter.com/laisvilasboas)
    parabéns! :)

    ResponderExcluir
  2. Não conhecia esta figura, vou buscá-lo, se encontrar será sorte minha, abraço.

    ResponderExcluir
  3. Confesso que não conheço. Fiquei curioso. Vou procurar.

    ResponderExcluir

Comente apenas se leu a postagem.
Comentários anônimos serão recusados.

Related Posts with Thumbnails