sexta-feira, 25 de outubro de 2013

COVA RASA VIRTUAL

(*) Já me “queixei” que o número de comentários em meu blogue havia diminuído consideravelmente, passando da casa dos sessenta para três ou quatro fiéis gatos pingados (alô Paulo, Tânia, Lu, Cila, Mateus e P@ty), embora o número de visitas só aumente. Culpa do Feicebuque, do Instagram e do Candy Crush? Da urgência dos dias? Da falta do que falar? Não sei. Achava que o meu blogue tinha cansado os leitores, se tornado repetitivo, mas  blogues extremamente populares também recebem cada vez menos comentários, com algumas postagens ficando no zero. Talvez eu faça como o camarada Ediney Santana e bloqueie os comentários ou espere confortavelmente que os blogues voltem à crista da onda. A verdade é que comentar nos rouba algum tempo. Às vezes mais de um minuto.

(*) Maria Sampaio, uma amiga muito querida, nos deixou há alguns anos. Seguia o seu blogue e mesmo após o seu desencarne continuei seguindo. Simbolicamente ela continuaria ali, naquelas postagens, ao alcance da minha saudade, poderia de quando em vez comentar algo, perguntar como andavam as coisas do lado de lá. Mas acontece que o blogger possui regras escrotas (sim, você também clicou em “Eu Aceito” sem ter lido nada). Depois de certo tempo sem acessar o blogue sai do ar e o endereço fica disponível para ser registrado mais uma vez. Num misto de surpresa e revolta recebi na minha lista de leitura as “novas atualizações” do blogue dela. Pois é, o cãozinho de Maria agora tem novo dono. E eu imaginando que após o meu fim o POR QUE VOCÊ FAZ POEMA seria uma espécie de cemitério virtual.

(*) Outro ano e novamente apareceu um engraçadinho dizendo que hoje era o dia em que Marty McFly chegava do passado, e não faltou quem acreditasse. Estou pensando em escrever uma postagem óbvia, comparando aquele futuro aos nossos dias, e programar para ser publicada em 21 de outubro de 2015. Se eu já tiver viajado para o outro lado será uma espécie de presente para quem continuar me seguindo. 

16 comentários:

  1. Pode ser preguiça minha de pensar sobre o assunto, ou talvez não, talvez seja mesmo óbvio assim...

    Em primeiro lugar, a julgar pelos "comentaristas" do meu blog, chego a conclusão que só blogueiro comenta blog. Há exceções, com certeza, mas são poucas. E depois, tem o facebook/instagram/etc... tá tudo mais rápido, mais simples e mais curto. Há preguiça de ler, e não só, há preguiça de pensar sobre o que leu, entender o que leu e fazer um comentário pertinente sobre a postagem, seja ela qual for.

    Dia desses tava lendo sobre as "novas doenças" da era da internet, uma delas falava - e com razão - que estamos pensando menos, porque já estamos tão confortáveis de que "é só olhar no google, lá tem tudo", que a gente já não se preocupa em guardar informação. Estamos pensando menos, retendo menos e cada dia mais preguiçosos mentalmente. É muito mais fácil dar um like no facebook do que "perder tempo" lendo tudo, pensando e comentando...

    Quando eu compartlho no meu facebook uma atualização do blog - yes, I'm back -, eu percebo que algumas vezes o pessoal dá like com 5, 10 segundos... ou seja, impossível ter lido. E não vão comentar. Aquele like é como quem diz "gostei pra caralho, mesmo sem ler".

    Quem comenta nos blogs são sempre os mesmos... e são cada vez menos.

    Aquele abraço!

    ResponderExcluir
  2. Não troco meu blog por uma página no face nem a pau.
    Claro que a página lá te torna mais conhecido, mas muita gente tem largado o blog para ficar nas redes sociais.
    Eu ainda sou das antigas, prefiro blogar.

    tenha um lindo dia =)

    ResponderExcluir
  3. "Maria Sampaio, uma amiga muito querida, nos deixou há alguns anos. Seguia o seu blogue e mesmo após o seu desencarne continuei seguindo. Simbolicamente ela continuaria ali, naquelas postagens, ao alcance da minha saudade, poderia de quando em vez comentar algo, perguntar como andavam as coisas do lado de lá". Belíssimo conto- crônica...E que chato, pensei que também havia cemitérios virtuais

    ResponderExcluir
  4. Ainda me impressiono como vc consegue amarrar tres paragrafos aparentemente diferentes em um mesmo tema. Realmente um minuto deve ser tempo demais na era do www, pra que ler? pra que comentar? Nao sabia que isso acontecia aos blogs, saudade da Maria. Esperando por McFly.

    ResponderExcluir
  5. Caríssimo Herculano Neto, sou teu seguidor e leitor, realmente não tenho comentado, mas não tenho face, minha vida não é perfeita. O que chamou minha atenção hoje foi a foto (amei, genial, mórbido - eu sou mórbido rs). Acredito que tenhas explicado tudo no post, aliás ótimamente escritos sempre, blogar exige um tempinho, leitura (acho o mais importante de tudo), comentário precisa de um mínimo de entendimento rs.
    Eu sempre pensei que ficaria para sempre, ad infinitum o blog se não acabasse em vida com ele, tou arrasado, achei que tinha encontrado o portal moderno da eternidade, putz, só tem sacanagem nessa vida...
    Comovente e adorável forma concreta de abraçar a saudade " ao alcance da minha saudade" sobre tua amiga morta (parece horrível falar assim né ? eu não acho), já me passou pensamentos parecidos, nos meus momentos de puro desinteresse por esta aventura aqui na terra (mas sei que é bom, muito bom viver).
    Acredito que os blogs tem bem menos boçais agora na era face, eles estão todos lá, é, tem alguns ainda por aí...quanto a ter ou não ter, mais ou menos comentários, não quero que isso afete mais o que tenho para postar, mas falo, eu sempre senti, percebi, existe uma qualidade nos blogueiros, ainda mais os fiéis, como bem disseste no post, porque são pessoas que tem o que dizer, o que ouvir, compartilhar, e para isso precisa no mínimo ser alfabetizado rs (brincadeira, mas é verdade).
    De qualquer forma este blog desde que conheci sempre me inspirou vontade de continuar, de ler, de comentar, de refletir, de odiar também (raríssimas vezes rs), o que é um exercício valido também, somos humanos...
    Querido Herculano, o teu trabalho neste blog é de respeito...teus poemas, ah teus poemas, os mais lindos que já li, aliás quem descobriu tua poesia foi outra amiga blogueira que me falou...por isso e mais um pouco, vale a pena se a alma não é pequena.
    ps. Meu carinho meu respeitominha admiração e meu abraço.

    ResponderExcluir
  6. Claro q gosto de blogar com o intuito primeiro de interagir com pessoas q valem a pena ... mas o fato é verdade ... são fases ... mas enfim ... com leitores ou sem leitores ainda continuo um fanático pelo mundo de BlogsVille ... O Ediney é um dos blogueiros q valem a pena... com todo o meu respeito pela decisão dele, mas lamento ele ter bloqueado os comentários ...

    Acredite! Vc como tantos outros fazem a diferença em BlogsVille ...

    Beijão

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Paulo, sempre estou lendo você e espero pelo dia em que você selecione suas melhores crônicas em um livro.Será um bom presente para leitura nossa e reflexão.

      Excluir
  7. O face é uma espécie de praga...rs Tira-nos do nosso próprio blogue. Faço lá o Desafio Poético com Imagens, que agrega os poetas e acaba nos remetendo ao blogue novamente. Mas você não pode se queixar muito. Seu blogue sempre foi bem procurado. Seus posts são sempre instigantes, um convite a comentários. E você não usa o face para divulgar, é uma vitória e sinal de que agrada mesmo. Mas está geral: cinco, seis comentários, quando muito 10. Você sempre bateu recorde. E sempre lido de verdade. Mas a vida é dinâmica. Hora dessa o face cansa (e tem cansado muitos). Beijos

    ResponderExcluir
  8. A culpa eh do Candy Crush, so pode.

    ResponderExcluir
  9. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  10. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  11. É quase um paradoxo completo: ser anacrônico em um meio digital... Continuemos com os nossos blogs.

    Um abraço

    ResponderExcluir
  12. Concordo com a Tânia, e tem mais: acho que você tá chorando de barriga cheia...rs

    Beijo Herculano!

    ResponderExcluir
  13. o meu blog também teve quedas drásticas. mas a verdade é essa: se vc tem algo a dizer, e se o que vc diz é relevante, persista. não vamos nos conformar com a diminuição dos comentários. vamos fazer uma revolução íntima. rs :)

    ResponderExcluir
  14. Os fantasmas virtuais existem aos montes. Seu texto me fez lembrar o maravilhoso filme do Esmir Filho, "Os Famosos e os Duendes da Morte". Mas, acho que essa coisa de número de comentários é muito relativo. Sou do tipo que não liga muito pra isso. Prefiro poucas pessoas, mas que digam coisas mais significativas. Afinal, quantidade não é sinônimo de qualidade, né?!

    Bjos

    ResponderExcluir
  15. Herculano
    Talvez a culpa seja do face. Tudo corre mais que o tempo. Embora não comente assiduamente sempre visito o seu blogue, pois é interessante e instigante. O número de comentários é irrelevante.
    Um bom final de semana.

    ResponderExcluir

Comente apenas se leu a postagem.
Comentários anônimos serão recusados.

Related Posts with Thumbnails