segunda-feira, 2 de setembro de 2013

PLACEBOS

Anna Karina
escondo minhas fissuras e mágoas
minhas doses homeopáticas de sarcasmo

trago na boca o desespero
e um hipotético sabor de quimera

(amiúde, me deparo sem norte)

esboço felicidade
e artefinalizo melancolia

não posso estranhar o desprezo




5 comentários:

  1. Nocebos...

    escondo minhas alegrias e risos
    minhas doses alopáticas de entusiasmo

    trago nos lábios o doce do afeto
    mas prendo-me sempre ao sabor de pessimismo

    (amiúde, me deparo com sul, norte, leste e oeste
    fazendo sempre um drama cheio de tragédia e menosprezo)

    esboço melancolias
    e arte finalizo felicidades doentes, doídas

    estranho mesmo é o valor com respeito.

    Olá Herculano
    =)

    ResponderExcluir
  2. Queria esconder minhas mágoas.....não consigo......deixo para todos interpretarem.

    Belo texto.

    abs

    ResponderExcluir
  3. Suas pílulas não são placebos,
    sao tarja preta aplicados diretamente na veia
    sem contraindicação alguma.

    E esse sabor de quimera que me intriga.

    ResponderExcluir
  4. Ótimo espaço, belos textos.

    Abraço,

    Kleiton
    kleitongoncalves.blogspot.com.br
    poesias-ilustradas.blogspot.com.br

    ResponderExcluir

Comente apenas se leu a postagem.
Comentários anônimos serão recusados.

Related Posts with Thumbnails