terça-feira, 21 de setembro de 2010

SANGUE NO CHUMBO

Em 1960, instalou-se em Santo Amaro da Purificação (BA) uma multinacional francesa de beneficiamento de chumbo, talvez numa tentativa de revitalizar a economia do município que, historicamente, sempre foi baseada no cultivo da cana-de-açúcar. No entanto, o que se viu foi a contaminação ambiental da cidade com a emissão de efluentes lançados indiscriminadamente através da chaminé da fábrica e nas águas do rio Subaé, além de centenas de trabalhadores considerados inválidos devido à exposição ao chumbo. Em 1989, a fábrica foi adquirida por uma empresa brasileira, que mesmo tendo herdado o passivo ambiental e trabalhista, não cumpriu com as suas obrigações. Ao encerrar as atividades em 1993, deixou para trás duzentos e cinquenta trabalhadores desempregados (que ainda aguardam, juntamente com seus familiares, a conclusão de várias ações judiciais) e cerca de quinhentas mil toneladas de resíduo industrial (escória).
           Uma pesquisa realizada em 1980, afirmou que 96% das crianças residentes a menos de 900 metros da fundição tinham concentração de cádmio  e chumbo no sangue acima do valor normal de referência, e os níveis encontrados no cabelo eram proporcionais às concentrações desses metais no solo. Outro dado informava que o nível de contaminação na cidade era vinte nove vezes maior que o tolerado pela Organização Mundial de Saúde.
           Como se já não bastasse, toda escória foi “doada” aos habitantes da cidade, que a usaram na construção, acabamento e nos quintais de suas residências. A prefeitura local, inacreditavelmente, também, usou grandes quantidades dessa escória para pavimentar ruas e lugares públicos de Santo Amaro, podendo ser encontrada facilmente sob os paralelepípedos e ao redor dos canos do abastecimento de água. A população local costuma, ainda, consumir carne e leite do gado que frequentemente entra nas dependências da fundição abandonada, para pastar e beber da água que se acumula nos antigos tanques de contenção na área da empresa, além das mandiocas e bananeiras que encobrem resíduos soterrados nas proximidades das instalações, e que servem de alimentação tanto para os santoamarenses quanto para as cidades vizinhas.
           O chumbo é um metal conhecido e utilizado desde a antiguidade (existem algumas menções no Velho Testamento, como em Êx 15:10). É usado na construção civil, na indústria bélica, na produção de soldas, fusíveis, revestimentos de cabos elétricos, entre outros. Também é incorporado ao cristal na fabricação de copos e outros utensílios domésticos, ressaltando seu brilho e durabilidade, embora possa contaminar os alimentos. Em virtude de sua elevada toxicidade e dos seus compostos, regulamentações ambientais cada vez mais restringem a sua aplicação.
           O chumbo não possui nenhuma função essencial no corpo humano e é extremamente prejudicial quando absorvido pelo organismo através da comida, ar ou água. Pode causar anemia, aumento da pressão sanguínea, alteração no sistema nervoso, abortos, arteriosclerose precoce, síndrome hepática, danos aos rins e ao cérebro. O chumbo é um elemento extremamente tóxico que não se dissipa, biodegrada ou deteriora, o que coloca Santo Amaro como uma das cidades mais poluídas do planeta.
           A Rede Band de Televisão realizou no começo de 2010 uma matéria denunciando o fato, que até o momento não foi ao ar devido a uma medida liminar conseguida pelo governo baiano impedindo sua veiculação. Enquanto isso, a população de Santo Amaro sofre suas consequencias, inclusive seus recém-nascidos, que vêm ao mundo com alto índice de cádmio e chumbo no sangue.
           O vídeo abaixo ilustra a situação e fotografias da contaminação podem ser vistas clicando AQUI.


MAIS INFORMAÇÕES:

39 comentários:

  1. Eu reparei que essa é sua cidade natal HN... Triste por isso. A situação por si só é... difícil de definir. Mandei o link da postagem para alguns professores meus, espero debater a questão no curso pré vestibular que faço.

    Depois, se chegar a alguma conclusão de valor, volto aqui e deixo mais um comentário. ;)

    Meu Blog a quem quiser visitar:

    http://codignolle.blogspot.com

    Meu Twitter a quem tiver:

    http://twitter.com/guicodignolle

    o/

    ResponderExcluir
  2. Não consegui me segurar... Ansiedade da madrugada eu acho. Acabei escrevendo...

    http://codignolle.blogspot.com/2010/09/sangue-de-chumbo.html

    Agora dei pra estudar a essa hora... ¬¬

    Fazer o que neh. ^^
    Abraços

    ResponderExcluir
  3. Triste, muito triste.
    Por quanta dor e sofrimento o povo de Santo Amaro ainda terá que passar?

    ResponderExcluir
  4. esta é uma velha história longe de um fim, os resíduos vão ficando


    abraço

    ResponderExcluir
  5. Até quando seremos movido pelo lucro a qualquer preço? Triste! Muito triste! Esta é a histórias de muitos Santo Amaros por todo o mundo ...

    Parabéns pela denúncia ...

    bjux

    ;-)

    ResponderExcluir
  6. Essa situação é fruto histórico de descaso e desrespeito com os baianos! Mas, infelizmente não é privilégio de Santo Amaro. As empresas se instalam, exploram de todas as formas as regiões, detonam o meio ambiente e seguem caminho. A justiça precisa ser feita. “Proteste Já” no ar!

    ResponderExcluir
  7. As imagens do link sao fortissimas, fiquei bastante entristecido.

    ResponderExcluir
  8. É triste saber de um descaso público assim, mas penso que justiça deveria julgar de forma mais severa não só os crimes ambientais, mas também aqueles que acabam afetando populações...

    Fique com Deus, menino Herculano.
    Um abraço.

    ResponderExcluir
  9. Isso que vc narrou é um absurdo!
    Um desreipeito...uma tristeza!

    ResponderExcluir
  10. Um absurdo!!!
    Há pelo menos a menção deste grave problema por algum candidato durante esta campanha, Herculano?

    Um beijo.

    ResponderExcluir
  11. É triste e revoltande uma situação dessas!

    Já assisiu o filme “Erin Brockovich - Uma Mulher de Talento”? É com Julia Roberts. Me lembrou muito essa situação, só que o elemento aqui não é o chumbo nem o cádmo, mas o cromo.

    Se você ainda não assistiu, é interessante a assistir e comparar as realidade, que praticamente são idênticas.

    ResponderExcluir
  12. Esse e outros fatos que ocorrem em nosso país são lamentáveis. E ainda há juízes que deferem liminares a favor do lado errado, não deixando veicular esse absurdo.

    Que país é este?

    Daniel

    ResponderExcluir
  13. "A beleza está condenada. A vida está condenada. Mas, a despeito disso, vou mesmo é plantar minhas araucárias, na louca esperança de que, quem sabe um dia, o poder será de novo dado à vida."

    (Rubens Alves, O fim do mundo está próximo)


    Bela iniciativa, meu caro!
    Louvável, eu diria!

    ^^

    ResponderExcluir
  14. Algumas pessoas não se importam com o próximo ou com o meio ambiente. Pensam somente em seu próprio bem, que, geralmente, nunca é suficiente.
    Muito triste isso...

    ResponderExcluir
  15. Uma lamentável história de descaso, incúria, oportunismo e omissão.Para tornar tudo ainda mais sinistro, a inaceitável censura ao quadro do programa que nada inventa, apenas registra a realidade.

    Como artista, já conhecia a história dos terríveis efeitos do chumbo presente nas tintas sobre a saúde de vários pintores. Imagine em tão alta concentração no ambiente! Triste.

    Abraço.

    ResponderExcluir
  16. importante falar! muito importante. acho que poucos saber disso e tanto mais...

    ResponderExcluir
  17. O município de Santo Amaro é pobre, não prospera e vítima de gestores irresponsáveis desde há muito. Habita ali uma "gente morena" criativa que ainda poetiza a vida, mesmo diante de uma adversidade como essa.
    Homens e mulheres capazes de acreditar em mudanças que se arrastam sem nunca chegar.
    Um dia eu parodiei Gonçalves Dias:

    "nosso sangue tem mais chumbo
    nossas vidas têm mais dores"

    Essa postagem foi importantíssima, Herculano. Nunca é demais divulgar essa situação revoltante à qual foram submetidos os nossos conterrâneos.

    ResponderExcluir
  18. Sabemos que não há muito o que se fazer em relação à CIDADE contaminada. Seria mais viável financeiramente (ou economicamente) que se colocasse tudo "na chon", construísse outra cidade em um local NÃO poluído e esquecêssemos da velha cidade do chumbo. No site da IDA - Instituto para o Desenvolvimento Ambiental, existe uma matéria muito completa e interessante sobre a contaminação da cidade e todo o seu contingente (pessoas e meio ambiente). Foi nessa matéria, lida há algum tempo, que fiquei sabendo do esforço do Deputado Fernando Gabeira o qual foi membro da Comissão de Defesa do Consumidor, Meio Ambiente e Minorias da Câmara dos Deputados e relator do Grupo de Trabalho que levantou os problemas da contaminação por chumbo na região de Santo Amaro. E olha que Gabeira nem é deputado pela Bahia.

    ResponderExcluir
  19. Eu já conhecia essas historia..Eu sou baiana! Bju!

    ResponderExcluir
  20. É muito importante este seu relato. É uma face que eu também desconhecia de Santo Amaro e que precisa ser divulgada. Contudo, em tempo de eleição, o Estado se arma de todas as formas de censura. Aqui na Serra-ES, também houve um caso de intoxicação que só chamou a atenção das autoridades e do Ministério Público após ter saído no Fantástico. Vitimou médicos,enfermeiros, pacientes, funcionários e público em geral de um Pronto Socorro e Maternidade Pública. A incerta possibilidade de sobrevida, a ausência de tratamento médico especializado, a humilhação em vários setores públicos onde iam buscar seus direitos, eu vi um pouco desse filme indigesto em rostos que nada contracenavam...
    Solidarizo-me com os seus sofridos conterrâneos.

    ResponderExcluir
  21. Enquanto houver voz, vamos gritar!

    E o triste, é que pela desesperança, o ser humano acaba acatando a situação, como se lhe fosse traçado este destino.

    Parabéns pela tua iniciativa na divulgação destas informações, fazemo-la publica!

    ResponderExcluir
  22. Eu li a respeito no site do IDA, é mesmo triste.

    ResponderExcluir
  23. Nuss isso tudo é um absurdo. Triste.
    Abraços...

    ResponderExcluir
  24. Importante você abordar essa questão no teu blog, contribuindo assim na divulgação desse fato omitido e por vezes maquiado pela mídia, pelo descaso da administração pública e dos órgãos responsáveis. Infelizmente nossa gente sofre por falta de informação o que corrobora para o estado de inércia dos santamarenses frente às questões da cidade. Sobre a matéria do CQC também fiquei sabendo, foram entrevistar até uma família no Trapiche, com casos de doenças provenientes da contaminação pelo chumbo. Refletindo, cheguei à conclusão que durante toda a minha trajetória escolar em Santo Amaro nunca discutimos tal questão, não fomos educados a pensar que dirá a intervir de alguma maneira para a reivindicação dos nossos direitos e para a preservação do meio ambiente. A escola também é conivente. Como educadora tenho muito que aprender Álvaro, para um dia “ensinar meus camaradas”.
    Beijão!

    ResponderExcluir
  25. Caro amigo, conhecia este fato, realmente uma calamidade,mesclada com descaso,"falo da vida do povo, nada de velho ou de novo..." Abraço.

    ResponderExcluir
  26. Uma historia muito triste, que se repete todos os dias por todo o mundo....
    Um abraço

    ResponderExcluir
  27. è oferecido os tais empregos para calar a boca de uma parte que cala a boca da outraparte, e no fim a cidade que perde.

    bjs
    Insana

    ResponderExcluir
  28. Entrei pra conhecer seu blog (adorei e já estou seguindo!) e te convidar pra conhecer o meu. Espero que goste!
    Bjo
    http://www.dicasesuor.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  29. Isso é muito sério! E não só acontece aí não
    em muitos lugares principalmente no interior cidades que antes não eram prejudicadas acabam por serem danificadas...
    o seu post vale como um alerta!
    parabéns
    ah e obrigada pela vista ok?

    ResponderExcluir
  30. Conseguiram que o programa não fosse ao ar? Vemos que nada mudou.

    ResponderExcluir
  31. Até isso... Até o governo esconde um horror desse tipo!
    O melhor que podemos fazer é divulgar pela internet e deixar o Brasil a par do que a mídia manipuladora não mostra.

    ResponderExcluir
  32. foi uma dádiva descobrir esse blog! Desde já seguidor.

    ResponderExcluir
  33. Esse tipo de coisa, também me causa tanta indignação que eu acabo por me tornar ainda mais exigente, mais contudente, quando estou no "meu" palco...

    ResponderExcluir
  34. A primeira vez que li sobre este tema foi no blog do Ednei e fiquei estarrecida. É preciso continuar denunciando e pressionando a mídia a divulgar esse crime.

    novo abraço!

    ResponderExcluir
  35. Quem paga o pato é quem menos tem responsabilidade. Uma lástima!

    ResponderExcluir
  36. É um absurdo o descaso das autoridades e até mesmo a censura com que o assunto é tratado. Chocante.
    O texto está muito bem escrito, com informações esclarecedoras. Talvez por isso imaginem que seja jornalista, pois não está a dever a nenhum deles.

    ResponderExcluir
  37. Enfim, a Rede de TV Bandeirantes, através do seu programa “A Liga”, exibiu, dia 21 de dezembro de 2010, a matéria sobre a contaminação de cádmio e chumbo em Santo Amaro da Purificação. Embora o trabalho jornalistico tenha sido bom, a situação dos habitantes da cidade ainda é bem mais complexa.

    ResponderExcluir

Comente apenas se leu a postagem.
Comentários anônimos serão recusados.

Related Posts with Thumbnails